Eletro

Published on maio 26th, 2014 | by Lucas Lima

4

Fritadeira elétrica ayrfryer Ford – Vale a pena abandonar o óleo?

Sempre fui muito relutante as alternativas Polishop de produtos. Sempre achei que eles vendiam não só a solução como também a necessidade. Por muita insistência da minha esposa e influência dos meus amigos online, acabei cedendo e adquirindo uma fritadeira elétrica a ar. Como nunca confiei muito no produto e pelo preço 100% mais caro que todas as outras fabricantes, já de cara descartei a opção da Phillips Walitta e foquei entre todas as outras concorrentes. Foram me oferecidas Mondial, Cadence, Philco e Ford. Sim, Ford. A montadora de Henry Ford tem uma linha (muito bela por sinal) de eletrodomésticos e desembarcou recentemente no Brasil com alguns produtos menos tradicionais, como cafeteira, misteira, torradeira, grill e ayrfryer.

fritadeira2

Dentre s marcas citadas, uma rápida pesquisa na internet e entre os amigos do twitter se destacaram um modelo específico da Mondial e a Ford. Como tenho certo apreço pela montadora (meu carro é um Ford Focus) e achei ela esteticamente mais bonita, decidi dar uma chance a essa nova embarcada fora dos veículos da Ford.

Com a fritadeira em casa, como bom beta testar resolvi comprar quase tudo que achei possível fritar. E tive belas surpresas.

Batata Frita na Airfryer

Acho que o maior cliente desse tipo de eletrodoméstico é a batata. Ela é a paixão das crianças e muitas vezes inimiga da refeição. Utilizei dois tipos de batata, uma industrualizada e outra feita em casa.

A industrializada ficou visualmente perfeita. Sequinha, saborosa. Obviamente, se o sabor do óleo faz parte da composição você sentirá falta disso. Eu pelo menos senti. Mas o benefício que ela traz em deixar de ser “fritura” na interpretação pejorativa do termo e consequentemente deixar de ser inimiga das refeições já supera esse detalhe do sabor. Só ai eu já estava satisfeito com a compra.

Pastel

Outro produto que fiquei bastante curioso. Será que o sabor da massa frita conseguiria ser substituido pelo ar? O pastel tem uma particularidade. Seu resultado depende do recheio. Fizemos um pastel de queijo e como o recheio era bem seco ficou um “biscoito” duro. Tentamos substituir o recheio por algo mais “molhadinho” para ver alguma mudança no resultado e obtivemos certo sucesso. O pastel ficou melhor que o de massa seca mas a falta da crocância e sabor do óleo comprometeram o resultado final.

fritadeira-airfryer-ford-sem-oleo-2-anos-de-garantia-11249-MLB20041400847_022014-ONuggets

Experimentamos os Nuggets umas 4 vezes e quando achamos o ponto tivemos o melhor resultado da fritadeira. Começamos com um nugget de marca duvidosa, e quando fritamos obtivemos um resultado que poderia ser qualquer coisa, menos nuggets. Fomos tirar a prova dos nove com o óleo e o resultado foi igual. Mudamos de marca para um nugget de uma marca renomada e seguindo o manual obtivemos algo meio cru. Em duas tentativas regulando o tempo e temperatura no sentimento, obtivemos um resultado satisfatório e delicioso.

Linguiça caseira temperada

Ficaram excelentes. As linguiças pareciam que haviam saído de uma panela. Devido ao alto índice de gordura do alimento elas ficaram bastante atrativas e gostosas.

Frango a Passarinho

Essa foi a maior surpresa. O frango expeliu todo sua gordura deixando o resultado um delicioso frango frito mas sem óleo.

Pão de Queijo

Eu nunca tinha visto um pão de queijo frito. Mas como no manual tinha marcado o tempo de preparo, resolvi arriscar. O pão de queijo assou (?!) por igual em metade do tempo que gastaria no forno, mas com uma ressalva. Eu não quero o pão de queijo por igual. Na minha opinião o pão de queijo tem que ser crocante por fora e macio por dentro e não só macio. Esse eu dispenso de fazer na fritadeira.

F2AFRY400_PRD_447_4Resultado final

Se você, assim como eu, não tem uma empregada doméstica em casa e gosta de inventar coisas na cozinha, você já deveria ter a sua. Só de evitar ter que desengordurar um fogão para preparar um almoço com algo frito já compensa todo o investimento e defeitos. Sem dúvida os benefícios de praticidade e facilidade superam todas as deficiências do produtos. Agora eu não morro de fome por preguiça de arrumar a cozinha. Mas não só por isso. Os sabores, não comprometem o produto final. Minha esposa usa para fritar carnes e preparar até receitas mais trabalhosas, ganhando tempo e diminuindo o trabalho de arrumação final.

Para quem mora sozinho e não tem uma emprega doméstica esse produto deixa de ser necessário e se torna indispensável. Para os outros é, sem dúvida, um excelente upgrade na cozinha!

 

Tags: , , ,


About the Author



4 Responses to Fritadeira elétrica ayrfryer Ford – Vale a pena abandonar o óleo?

  1. Edson says:

    Estou comparando os modelos e marca, minha impressão é que a Ford alem de ter o material interno mais robusto é a melhor, só não gosto da cor do produto, gostaria de ter mais opção; branca ou inox. Gostei da Philco, mas tem muitas impressões ruins de pessoas que já compraram este produto, as partes internas enferrujam. A Mondial tem relatos de pane no painel digital, pois esquenta muito, e se não tiver cuidado com a limpeza apagam o que tem de símbolos e números no painel do modelo com botão.
    Pergunto você confirma que o modelo FORD é melhor ?,
    Abraço…….Edson

    • Lucas Lima says:

      Não posso confirmar pois nunca tive as outras. Mas é uma excelente maquina (me acompanha há 3 anos)

  2. Essa fritadeira ford é bonitona. Faz toda diferença na cozinho um aparelho com design. Gostei.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to Top ↑